quarta-feira, 6 de junho de 2012

CRIS CYBORG - BONITA OU FEIA VOU QUEBRA-LA DO MESMO JEITO.


Alan Oliveira

Bastou Scott Coker, presidente do Strikeforce, dizer que gostaria de casar uma luta entre Cris Cyborg e Ronda Rousey para criar grandes expectativas nos fãs e fogo cruzado entre as lutadoras. Ronda provoca dizendo (ao site do Sportv) que bastaria Cris bater o peso de 61kg para a luta acontecer. Porém, em entrevista ao PVT, Cyborg afirma que seria mais fácil a atual campeã do peso galo subir de categoria.

“Seria difícil para mim, nunca lutei nesse peso. Ronda sabia disso, lutou na categoria pena, falou umas besteiras e desceu. Mas ela poderia voltar para o pena, já lutou lá”, argumentou Cris.

Na entrevista completa que segue abaixo, a lutadora da Chute Boxe fala sobre o recente título no mundial de jiu-jitsu, ressaltando o valor de melhorar cada parte do seu jogo para o MMA. Avalia quais suas vantagens em uma possível luta contra Rousey, e ratifica os comentários de fãs que apostam que Cris faria a bela Ronda sair bem machucada do octógono, caso a luta ocorra após a suspensão da brasileira por doping (ela estará liberada em dezembro).

“Também diziam, quando eu enfrentei Gina Carano, que seria a Bela contra a Fera, e acho que estão dizendo de novo. Beleza pode ajudar na fama de uma lutadora, mas o que importa é o treino duro. Bonita ou feia, vou quebrar do mesmo jeito”, disparou a brasileira.

Confira abaixo a entrevista completa com Cris Cyborg, campeã do peso pena do Strikeforce.

Fale sobre esse bicampeonato no mundial de jiu-jitsu, na faixa roxa:

Pois é, estou muito feliz! Estou aprimorando meu jogo, represento a Athos do André Galvão. Foram três lutas, venci a primeira no armlock e as outras duas por pontos. A última adversária inclusive eu já tinha enfrentado no primeiro título, no ano passado. Acho que estou melhorando cada vez mais no jiu-jitsu, o que é importante no MMA.

Falando em MMA, Scott Coker revelou o desejo de casar uma luta entre você e Ronda Rousey, dizendo que poderia ser a maior luta da história do MMA feminino. Também vê assim?

Concordo, acho que vai ser um lutão, a maior da historia. Não tem como a gente não se encontrar. Ela já lutava na minha categoria, a pena. Estreou no Strikeforce, fez duas lutas, falou muito e baixou para pegar a Miesha Tate. Acredito que a gente vai ter que fazer um acordo, ela subindo, fazendo peso combinado. Será um prazer lutar com ela, mas nunca escolhi adversária. Encaro quem o Strikeforce colocar. E luto com Ronda a hora que ela quiser.

Você desceria para o peso galo?

Seria difícil para mim, nunca lutei nesse peso. Ela sabia disso, falou umas besteiras e desceu. Mas ela poderia voltar para o peso pena, já lutou lá.

Muitos afirmam que o jogo de quedas dela, que é judoca medalha de bronze em Olimpíada, aliado a chaves de braço precisas, a tornam quase imbatível. Quais pontos fracos vê em Ronda?


No MMA entra tudo, não é só queda e chave de braço. Acredito que eu tenha mais ‘pano pra manga’. Ela tem um jogo que todo mundo sabe qual é. Falar agora é fácil, temos que ver na luta, mas acho que tenho mais jogo para o MMA. Se bem que ela está melhorando também. Só no cage a gente vai poder ver o que acontece. Mas se ela quer meu braço, quero a cabeça dela. Sempre vou buscar a vitória, se possível o nocaute.

Concorda então que sua maior chance seria lutar em pé?

Pode ser, mas estou me dedicando cada vez mais ao jiu-jitsu, acabo de ser bicampeã mundial na faixa roxa. Amo o muay thai, foi onde comecei. Amo dar e receber soco, é o jogo que mais gosto. Mas estou começando a gostar muito do jiu-jitsu, meu mestre André Galvão está me ajudando a evoluir. Quero estar preparada para qualquer situação na luta.

Muitos fãs seus, inclusive no Fórum PVT, ironicamente tem “lamentado” a possibilidade da luta entre você e Ronda ocorrer, porque dizem temer que você dê uma surra que desfigure o belo rosto da americana. O que diz a eles?

(risos) Não cheguei a ler ainda, mais li na época da luta contra a Gina Carano que todos diziam que seria a Bela contra a Fera. Pode ser, minha adversária sendo bonita ou feia eu vou quebrar do mesmo jeito. Beleza ajuda muito para a fama de uma lutadora, mas o mais importante é a disciplina, o treino duro. Ninguém sai toda maquiada do octógono (risos).

Onde vem treinando e se preparando para a volta ao MMA, a partir de dezembro?

Tenho treinado só na Chute Boxe mesmo, não gosto de ficar pipocando. Estou lácom meus treinadores, e treino jiu-jitsu com o André na Athos. Acredito que eu tenha melhorado assim, vou lutar em competições no gi (sem pano) nesse ano e continuar competindo.

Acha que Dana White possa ter “amolecido” nos últimos tempos e reconsiderado estrear categorias femininas no UFC?

É muito difícil saber a opinião dele sobre isso, toda hora ele muda. Temos é que fazer um bom trabalho no Strikeforce e estarmos prontas para o UFC. Está nas mãos deles e de deus. MMA feminino no UFC seria histórico!

http://portaldovalet...o%E2%80%9D.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails