segunda-feira, 29 de setembro de 2014

UFC TEM NOVO ASTRO...

Na noite do último sábado, o irlandês Conor McGregor enfrentou o maior desafio de sua carreira, e com muitas provocações e um estilo de luta inusitado, bateu Dustin Poirier com facilidade por nocaute ainda no primeiro round.

conor-mcgregor
Tendo o aspecto comercial perfeito, e já sendo um dos atletas favoritos de seu país, McGregor virou a carta certa do UFC para expandir seu “domínio” no continente Europeu, e Dana White já vê o futuro astro de sua organização como uma realização.


“Conor McGregor é um negócio de verdade – ele é legítimo. Ele tem uma força que eu nunca tinha visto antes. Maior do que Brock Lesnar quando ele estava aqui. Maior do que qualquer um dos lutadores que já tivemos. Sim, (ele é maior do que Georges St-Pierre). Eu nunca vi nada parecido com isso.”, disse ao Fox Sports dos EUA, de acordo com o site BJPenn.com.

Sobre a performance do irlandês, Dana White se conteve em não ser parcial antes do combate.“Eu sou um cético. Ele fez exatamente o que disse que ia fazer. Eu achava que Conor ia ganhar? Eu não fazia ideia. Eu achava que ele realmente venceria Poirier no primeiro round? Eu não.”

Sobre a vinda de McGregor ao UFC, Dana White contou a história entorno de sua contratação.“Essa coisa toda de Conor McGregor tem sido muito fascinante para mim. (Quando) eu fui para a Irlanda, eu recebi esse prêmio do Trinity College, e, literalmente, tudo o que eu ouvi foi Conor McGregor todo o tempo que eu estava ali. Voltei aqui e eu era como, ‘Quem é esse garoto? Vamos pegar esse garoto e assinar. “Então nós assinamos e ele veio para Las Vegas, e nós fomos, comemos e saímos um pouco. Eu disse ao Lorenzo (dono do UFC), ‘Se esse garoto puder até mesmo lutar só um pouco, um pouquinho, pelo menos dar um soco, esse garoto vai ter algo especial. É uma loucura. É maior do que qualquer coisa que eu já vi. “

Já virando celebridade na Irlanda, o jovem atleta que está muito perto de enfrentar José Aldo é tido como principal responsável pelo sucesso financeiro do UFC 178.
“Foi uma nação por trás de GSP quando GSP começou? Deixe-me dizer-lhe isto. Estamos contabilizando (as projeções para o UFC 178).  Lorenzo e eu estávamos conversando sobre isso, os números, e nós devemos tudo isso a Conor McGregor “.

por Redação MMA Space.

(Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

SE CUIDA, RONDA ROUSEY...

A americana Cat Zingano superou todo o drama sofrido no último ano, onde perdeu seu marido em um trágico suicidio e teve que lidar com a lesão que afastou sua participação no TUF 18 como treinadora e o desafio ao cinturão de Ronda Rousey.Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
No primeiro assalto, a brasileira Amanda Nunes teve o domínio da luta, com as iniciativas da trocação e ainda acertando potentes golpes por cima, enquanto a americana ensaiava tentativas de chaves de braço sem sucesso, levando a torcida de Las Vegas à loucura. Adiante, o segundo assalto foi diferente, com Zingano aplicando uma bela queda e trabalhando muito bem a movimentação no solo enquanto alternava golpes e tentativas de finalização, deixando Amanda muito cansada enquanto defendia-se na meia-guarda. No último round, Amanda sofreu a mesma queda da americana e caiu por baixo, com Zingano montada e aplicando uma sequencia frenéetica de socos e cotoveladas, obrigando o árbitro a interromper o duelo ao ver que a brasileira não respondia mais em suas defesas. Esta foi a primeira derrota em cinco lutas de Amanda Nunes no UFC.

Cat Zingano será a próxima desafiante de Ronda Rousey, campeã da divisão dos pesos galos do UFC. O evento provavelmente será do UFC 182, no início de janeiro quando Anderson Silva enfrentará Nick Diaz em seu retorno ao MMA.

por Redação MMA Space.

Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

ERRO DO ÁRBIRTO: LUTADOR E NOCAUTEADO DUAS VEZES

No evento Shinobi 3, uma péssima interrupção do árbitro central chamou muita atenção após um lutador ser nocauteado literalmente, chegando a apagar por alguns segundos, acordar, voltar a ficar em pé e ser duramente golpeado até um novo “knockout”, desnecessariamente.

Há quem alegue que foi simplesmente um knockdown. Veja o vídeo e dê sua opinião sobre a atitude do juiz. (Adiante o vídeo para 17:28)

http://www.mmaspace.net/erro-arbitro-lutador-e-nocauteado-duas-vezes-17480/

lutador-nocauteado-duas-vezes
Related Posts with Thumbnails