segunda-feira, 14 de maio de 2012

A LUTA CONTRA sonnen SERÁ UMA GUERRA



Foto: Divulgação/UFC
Anderson Silva foi uma das atrações do programa Fantástico, da Rede Globo. O campeão peso médio do Ultimate Fighting Championship falou sobre sua recém-lançada biografia o relembrou o episódio em que tomou no tapa no rosto, desferido pelo mestre Rafael Cordeiro.
O ‘Aranha”, relembrou, ainda, o episódio da morte de sua segunda filha, que nasceu prematura e com formação incompleta dos órgãos. A pequena faleceu nos braços do atleta que hoje é pai de cinco filhos.
“O médico veio, falou com a gente: ‘Olha só, a gente não tem o que fazer porque a neném não tem todos os órgãos dela formados e não tem muito o que fazer’. Quando eles tiraram ela da incubadora, ainda estava respirando, a médica chegou e perguntou se eu queria me despedir da minha filha. Ela ainda estava respirando e do nada ela parou de respirar. A médica ainda perguntou se podia pegar ela. Eu não queria soltar. Foi uma coisa que me marcou muito”.
E em raro momento de desforra das declarações provocativas do rival Chael Sonnen, contra quem lutará pela segunda vez em julho, no UFC 149, Anderson respondeu o americano que afirmou que sua derrota em 2010 foi injusta e que imagina o campeão brasileiro brincando na lama em sua infância.
“Eu tenho pena dele, é um cara frustrado, ele nunca ganhou nada, nunca foi primeiro em nada que ele fez. Eu vou brigar muito, você não está entendendo, a briga vai ser sinistra”, garantiu com fisionomia irônica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails