sábado, 5 de maio de 2012

IRMÃO DE NICK DIAZ O NATE DIAZ FINALIZA E COBRA DISPUTA PELO CINTURÃO

Uma boa performance de Nate Diaz na noite deste sábado o colocou muito perto de uma chance de disputar em breve o cinturão peso-leve do UFC. Dominante o tempo inteiro, o americano derrotou o compatriota Jim Miller por finalização, aos 4m09s do segundo round, no duelo principal do "UFC: Diaz x Miller", em Nova Jersey, nos Estados Unidos. Se o presidente da organização, Dana White, cumprir sua promessa, o irmão de Nick Diaz vai encarar o vencedor do duelo entre Ben Henderson e Frankie Edgar, valendo o título da categoria.
UFC Nate Diaz (Foto: Getty Images)Nate Diaz comemora boa atuação que lhe deu a vitória no UFC deste sábado (Foto: Getty Images)
Foi a 16ª vitória de Nate Diaz, a terceira consecutiva. O atleta de 27 anos tem um total de 23 lutas na carreira. Já Jim Miller, que até então nunca havia sido finalizado (ou nocauteado), sofreu a quarta derrota, contra 21 triunfos no total. Nos últimos dez combates, venceu oito.
A luta: Diaz superior do início ao fim
Antes do início da luta, Jim Miller estendeu o punho para o tradicional toque de luvas, mas Nate Diaz apenas o olhou e deixou claro o clima tenso dentro do octógono. Nos primeiros movimentos, houve trocação franca, e ambos logo partiram para o clinch, a luta agarrada, desferindo joelhadas um no corpo do outro. Diaz acertou uma boa combinação de jab e direto no minuto final e conseguiu um knockdown, mas deu as costas para o rival, que tentou uma guilhotina. No finzinho, Diaz conseguiu inverter a posição e partir para o estrangulamento, mas não havia mais tempo.
UFC Jim Miller; Nate Diaz (Foto: Getty Images)Momento em que Diaz encaixa a guilhotina em Jim Miller, que não resiste (Foto: Getty Images)
No segundo round, o panorama não mudou, com Diaz acertando mais golpes na trocação. Miller, já com o nariz sangrando, tentou um chute voador sem sucesso e despertou a ira do oponente, que passou a provocá-lo e a chamá-lo para o combate, abrindo os braços em sinal de protesto. Com a luta no chão, Diaz conseguiu conectar bons golpes e, em um grande momento, encaixou uma guilhotina. Miller não resistiu e deu os três tapinhas no chão do octógono, desistindo a luta.
CARD PRINCIPAL
Nate Diaz venceu Jim Miller por finalização no segundo round
Johny Hendricks venceu Josh Koscheck por decisão dividida dos jurados
Alan Belcher venceu Rousimar Toquinho por nocaute técnico no primeiro round
Lavar Johnson venceu Pat Barry por nocaute no primeiro round
CARD PRELIMINAR
Michael Johnson venceu Tony Ferguson por decisão unânime dos jurados
John Dodson venceu Tim Elliott por decisão unânime dos jurados
John Hathaway venceu Pascal Krauss por decisão unânime dos jurados
Louis Gaudinot venceu John Lineker por finalização técnica no primeiro round
Danny Castillo venceu John Cholish por decisão unânime dos jurados
Dennis Bermudez venceu Pablo Garza por decisão unânime dos jurados
Roland Delorme venceu Nick Denis por finalização no primeiro round
Karlos Vemola venceu Mike Massenzio por finalização no segundo round

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails