terça-feira, 15 de maio de 2012

"ANDERSON ME APAGOU" DIZ sonnen


Foto UFC

Acostumado a querer passar uma imagem de ser muito melhor do que realmente é, Chael Sonnen deixou o orgulho de lado e, nesta segunda-feira, admitiu que “apagou” momentaneamente quando Anderson Silva encaixou um triângulo e o finalizou, no UFC 117, em agosto de 2010.

“Foi devastador. Eu não tinha ideia do que estava acontecendo naquela luta. Quando acabou, eu perguntei para o árbitro e perguntei, "O que aconteceu?" Josh Rosenthal me disse, "Você bateu", e eu disse, "Eu acredito". Eu vi que aconteceu depois no telão, porque a TV ampliou. Eu lembro de cair no sono. Eu pensei, "Não vamos bater, vamos tentar sair daqui", mas quando eu pensei isso, já tinha acontecido”, revelou o falastrão ao podcast de Joe Rogan, comentarista oficial do UFC.

O desafiante ao cinturão do peso médio do Ultimate, que irá reencontrar Anderson no dia 07 de julho, em Las Vegas, mostrou-se feliz por a luta deixar o Brasil e ser transferida para os Estados Unidos. No entanto, Sonnen usou um argumento completamente sem sentido para justificar a mudança de país.

“Seria uma cena, mas acho que eles não poderiam segurar. Havia tido acabado de ter um jogo de futebol e 73 mil pessoas foram esmagadas até a morte. Você não pode segurar tanta gente. Se eu fosse lá, iria vencer o herói deles, Anderson, depois iria fazer a entrevista contigo e não iria recuar, não ia me desculpar, então seria ruim. Mas, juro, eu daria a vida para conquistar o título. Eu assinei o contrato para ir lá”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails