domingo, 7 de agosto de 2011

POLICIA ENCONTRA INDÍCIOS DE CRIME NO UFC RIO.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro revelou nesta quinta-feira ter descoberto indícios de prática abusiva na venda de ingressos para o UFC 134, ou UFC Rio. As acusações são de venda casada e formação de cartel. Policiais da Delegacia do Consumidor (Decon) cumpriram mandados de busca e apreensão no escritório da 4BTS, empresa que tem contrato de exclusividade para a comercialização das entradas do evento.

De acordo com a nota oficial emitida pela Polícia Civil, os agentes recolheram, na sede da empresa, na Barra da Tijuca, "objetos que podem comprovar a prática de crimes contra o consumidor". O material foi apresentado na sede da Decon, na Gávea (Zona Sul do Rio). Foram apreendidos computadores, panfletos e porta-documentos com o logopito do evento, bem como contratos assinados com consumidores. Não foram encontrados ingressos.

Delegada titular da Decon, Patrícia Aguiar explicou que a irregularidade está no fato de o consumidor que não conseguiu comprar o bilhete na internet estar sendo obrigado a comprar ingresso acrescido de outros serviços, como hospedagem e translado. Ela explica que, para realizar este tipo de venda, a organização do UFC deveria disponibilizar ingressos comuns também.

- O erro está no fato de não disponibilizarem ingressos comuns. Você teria de dar a opção de comprar só o ingresso, sem os outros serviços que estão sendo oferecidos. O que está acontecendo é que estão vinculando o consumidor à agência. Essa venda casada só poderia ocorrer se ainda tivessem ingressos comuns à venda - afirma, ela, que investiga também a formação de um monopólio.

- O fato de a venda estar toda concentrada na agência 4BTS é um grande indício que isto esteja acontecendo - completa.

Segundo a delegada, a empresa alegou ter um termo de ajustamento com o Ministério Público, que permite a venda dos pacotes. A reportagem do SporTV.com procurou a 4BTS, mas não obteve retorno. À noite, a empresa se manifestou por meio de nota:

"Foi com surpresa e indignação que recebemos a visita da Polícia Civil hoje em nossa sede em cumprimento a determinação do Ministério Público que sob a alegação de que a nossa empresa pratica "venda casada" de ingressos efetivou a busca e a apreensão de documentos e equipamentos. A 4BTS segue todos os procedimentos técnicos e legais praticados pelas empresas de turismo (...). É importante esclarecer que do montante geral dos ingressos colocados à venda pelos organizadores, menos de 10% foram destinados aos turistas que adquiriram os pacotes de nossa empresa”, informou a 4BTS, que pertence ao grupo Águia Turismo.

A titular da Decom frisou ainda que, tanto os responsáveis pela agência de turismo, como os organizadores do evento (empresa que representa o UFC no Brasil) estão sujeitos a sanções, que, se somados todos os crimes, podem chegar a 10 anos. A organização do UFC Rio (empresa que representa o UFC no Brasil) não quis se manifestar sobre o assunto.

- Para o crime de formação de cartel, está prevista uma pena de dois a cinco anos de prisão, enquanto que, para a venda casada, a punição é de dois a cinco anos de reclusão e multa - informa ela.

Outra investigação que está em curso é sobre a quantidade de ingressos vendidos na internet. Para Patrícia Aguiar, há indícios de que foram vendidos menos do que 16 mil ingressos na grande rede, conforme divulgara a empresa responsável pela comercialização das entradas.

- Teriam de ter esmiuçado a cota exata de ingressos para a venda na internet e para a comercialização na agência de turismo. É estranho ainda haver bilhetes disponíveis. Quantas pessoas estarão presentes no evento? Ninguém informou isso - destaca a delegada.

Sobre a situação dos consumidores que adquiriram entradas por meio da venda casada, a titular informa que a decisão estará nas mãos do Ministério Público.

- Não sabemos o que pode acontecer. A única coisa que vamos sugerir ao MP é que recoloquem ingressos comuns à venda novamente - finaliza ela.

O UFC Rio acontece em 27 de agosto, na Arena da Barra, com transmissão ao vivo do canal Combate. A primeira venda de ingressos, feita exclusivamente pela internet em junho, esgotou em menos de duas horas, e a carga adicional colocada à disposição em julho também terminou rapidamente, em menos de 20 minutos.

Fonte: http://sportv.globo.com/site/eventos/comba...no-ufc-rio.html


Galera fiquem espertos pq me parece que terao mais ingressos a venda... ou nao vai dar em nada

Este post foi editado por Marcos_Jennifer: 5/08/2011 - 06:48

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails