quarta-feira, 4 de abril de 2012

BRASILEIRO IRÁ AJUDAR sonnen CONTRA ANDERSON SILVA


Foto: Divulgação
No dia em que comemora trinta e cinco anos de idade, Chael Sonnen ganhou um reforço de peso na sua preparação para a revanche contra o campeão peso médio do Ultimate Fighting Championship Anderson Silva. Trata-se de Vinny Magalhões, campeão mundial de jiu-jitsu, que ajudará o americano a lapidar seu jogo de chão, onde já foi finalizado pelo próprio ‘Aranha’ no primeiro encontro entre os rivais em 2010 pelo UFC 117.
- Estou indo para Oregon para ajudar o campeão dos pesos médios a se preparar para sua luta de título no Brasil, publicou no twitter.
Ciente das críticas que receberá sobretudo dos compatriotas, o ex-finalista do The Ultimate Fighter 8 elencou as razões que o levaram a aceitar a oportunidade de treinar Chael para o desafio e deixou claro que sua família foi o aspecto determinante para sua decisão. O faixa preta além das contas domésticas tem um filho de um ano e quatro meses e mantém a esposa em casa para cuidar do garoto enquanto dá aulas e treina para as lutas.
“Tenho todas essas responsabilidades. Se você vai questionar o porquê eu estou indo treinar o Chael, por que você não me paga para ficar em casa e não ir para Oregon treinar com ele? Eu farei com o maior prazer, mas se você não pode fazer essa generosidade por mim, às vezes é melhor não dar a sua opinião e calar a boca sem antes pensar nos fatos”, disparou..
“O Fedor queria que eu fosse treiná-lo quando os rumores eram que ele iria lutar com o Fabrício Werdum (outro Brasileiro). Por um acaso eu fui treinar com ele? Não. Por que eu não fui? Porque ele e os empresários dele acharam que eu deveria ir sem ser remunerado”, relembrou o convite dos russos.
Eu sempre colocarei a minha família em primeiro lugar. Eu não sei se é exatamente assim como as pessoas pensam, mas comigo, se a minha família depende de mim, eu sempre farei o que puder para fornecer o melhor para eles. Também levem em consideração que o Chael esta me contratando para ajudá-lo, eu não estou indo lá fazer nenhum favor a ele e nem acredito que era isso que ele esperava que eu fosse fazer”, explicou.
Vinny Magalhães foi derrotado por Ryan Bader na final do TUF 8, em 2008, e voltou a lutar pelo UFC no evento 97 – Redemption – mas acabou derrotado por Eliot Marshall. Após sua saída da organização americana, ‘Pezão’ fez oito lutas e venceu sete vezes e atualmente busca contrato com algum evento de grande porte.
Blog Mano a Mano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails