terça-feira, 18 de maio de 2010

EMENDA COSTITUCIONAL QUER PRISÃO PERPÉTUA PARA PEDÓFILOS.


18 DE MAIO DIA CONTA A EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL

A pedofilia é um dos crimes que mais choca a população devido à frieza dos abusadores e pelo fato de ser aplicado em crianças e adolescentes. Poucas pessoas conhecem as causas, os traumas e os problemas sociais que envolvem esse mal. Com o objetivo de levar informação aos osasquenses, será realizado entre os dias 10 e 15 de maio a Semana de Combate à Pedofilia. O evento faz parte do calendário de Osasco desde o ano passado, quando o prefeito Emidio de Souza (PT) aprovou a proposta da vereadora Ana Paula Rossi (PMDB).
No programa da semana estão agendadas palestras, panfletagens em feiras livres e passeatas. Durante todo o dia serão feitas ações das mais diversas em vários pontos da cidade, da zona Norte a Sul. “Nós vamos distribuir cartilhas informativas e faremos palestras na Uniban e na Unifieo para turmas de pedagogia e psicologia”, explicou Ana Paula.
Nessa sexta-feira à noite será realizada sessão solene sobre o tema e no sábado a caminhada “Osasco Contra a Pedofilia”, que vai sair às 9h, com concentração no estacionamento da prefeitura, passando pelo Largo e calçadão da rua Antonio Agu, até a altura do Osasco Plaza Shopping (parceiro do evento).
O senador pelo Piauí Magno Malta (PR), autor da CPI da Pedofilia, e o deputado estadual José Bruno (DEM), líder da CPI na Assembleia Legislativa foram convidados para participar da semana.
Narcotráfico
Segundo dados levantados pela vereadora, Osasco tem nível alto de casos envolvendo pedofilia. “A gente ainda encontra muitas pessoas que desconhecem o assunto e somente ouviram falar, porém desconhecem que é um problema que atinge não só os adolescentes em fase de desenvolvimento do corpo, mas também bebês e crianças de todas as idades e de ambos os sexos”, afirmou a peemedebista.
De acordo com o senador Magno Malta, a pedofilia movimenta mais dinheiro do que o narcotráfico no mundo por meio de material fotográfico na internt e comércio do sexo. “Esse é um dado mais que alarmante e necessita ser combatido por meio do esclarecimento”, disse Ana Paula.
Na maioria dos casos, quem comete o crime é alguém da própria família, como o pai, o tio ou o padrasto, ou seja, pessoas de relacionamento da criança. O número dos que cometem pedofilia é grande, sendo que esses criminosos são compulsivos.
O senador vai encaminhar Projeto de Emenda Constitucional (PEC) para determinar prisão perpétua aos pedófilos. Recentemente, no Estado de Goiás, houve o caso de homem que logo que saiu da prisão voltou a cometer o abuso, estrupo e assassinato. Para a vereadora, não importa o tempo de pena que o criminoso terá que cumprir, pois quando ele sair da prisão voltará a praticar o crime. Porém, ela ressaltou que não basta a prisão perpétua, se não for possível identificar o indivíduo. “As vítimas são expostas e depois vemos que o abusador continua em liberdade, por falta de provas”, disse.
Fonte: Diário da Região

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails