sexta-feira, 25 de março de 2011

MINOTOURO LUTA SABÁDO DIA 26

 No principal confronto da noite, lutador brasileiro enfrenta o invicto Phil Davis em luta válida pela categoria meio-pesado

- Pelo card preliminar, o carioca “Super” Mário Miranda encara o também americano Aaron Simpson em luta válida pelos médios

- Exibição ao vivo e com exclusividade no Combate e Combate HD, a partir das 23h de sábado, dia 26

Depois do duelo de cinturão envolvendo Maurício Shogun, mais um brasileiro faz a luta principal da noite de um evento do UFC. Neste sábado, dia 26, o baiano Rogério Minotouro entra no octógono mais famoso do mundo para encarar o americano Phil Davis, grande revelação do MMA na categoria meio-pesado, em luta válida pelo UFC Fight Night 24. Além desse importante duelo, os fãs brasileiros vão poder torcer pelo carioca “Super” Mário Miranda, que enfrenta o também americano Aaron Simpson, em luta do card preliminar válida pelos médios.
       
O UFC Fight Night 24 terá transmissão exclusiva do canal Combate, que está disponível para assinatura nas operadoras NET, SKY e Via Embratel, a partir das 23h. O assinante que possuir a tecnologia HD confere a luta em alta definição também pelo Combate HD.

Aos 34 anos, o baiano Rogério Minotouro já se consolidou como um grande nome brasileiro no mundo das lutas. Além de já ter trilhado um caminho de grandes resultados em eventos como o extinto PRIDE e o próprio UFC, Minotouro tem no currículo um feito para poucos do esporte: uma medalha de bronze no boxe nos Jogos Pan-americanos Rio 2007. Apesar do vitorioso currículo, Rogério quer mais. Vindo de derrota para o americano Ryan Bader (UFC 119), o baiano sabe que precisa vencer para recuperar o prestígio no esporte. Entretanto, o lutador tem consciência de que a tarefa não será nada fácil.

“O cara é novo, é bom. Foi campeão nacional de wrestling e quatro vezes eleito All American (principal título da modalidade nos EUA). Realmente, ele não tem muita experiência no MMA, mas tem um cartel interessante (8-0) e bem é alto. Então, é um cara que tem que ter um cuidado especial, porque ele vem com vontade, e isso faz dele um adversário perigoso. Principalmente nas regras do UFC, em que as quedas têm muito peso”, explica Minotouro analisando a revelação americana Phil Davis, de 26 anos, que chega invicto para o confronto.

O desafio do “Super” Mário
Vindo de derrota para o também brasileiro Demian Maia, o carioca Mário Miranda, o “Super” Mário (12-2), sabe que precisa vencer para continuar no evento e alimentar o sonho particular de lutar no UFC Rio. Para isso, Mario sabe da capacidade do oponente e confia em seu potencial. “Ele (Aaron Simpson, 7-2) é um ótimo wrestler e tem uma mão pesada, mas eu me acho melhor tecnicamente, e a preparação física pode ser determinante nessa luta. Estou realmente feliz com a minha preparação, foi tudo bem planejado. Com certeza foi a luta para a qual pude me preparar melhor. Espero conseguir mais exposição no Brasil. O UFC Rio seria perfeito”, analisa o confiante “Super” Mario, que tem duas derrotas e uma vitória dentro do UFC.

CARD PRINCIPAL
Rogerio “Minotouro” vs Phil Davis
Dan Hardy vs Anthony Johnson
DaMarques Johnson vs Amir Sadollah
Leonard Garcia vs Chan Sung Jung

CARD PRELIMINAR (Sem transmissão do canal Combate)
Alex Caceres vs Mackens Semerzier
Jon Madsen vs Mike Russow
John Hathaway vs Kris McCray
Edwin Figueroa vs Michael McDonald
Sean McCorkle vs Christian Morecraft
Mario Miranda vs Aaron Simpson
Johny Hendricks vs T.J. Waldburger
Nik Lentz vs Waylon Lowe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails