quinta-feira, 15 de abril de 2010

Triste notícia para o karatê morre Campeão estadual mirim

O menino João Victor da Silva, 9 anos, campeão estadual de karatê na categoria 8/9 anos, morreu com suspeita de dengue. A criança, que morava em Eurico Salles, na Serra, estava internada no Hospital Infantil, em Vitória, e faleceu nesta quarta-feira (14).
A mãe de João Victor, a auxiliar administrativa Neuza da Silva, conta que antes da internação, a família percorreu um longo caminho em busca de tratamento para o menino. No começo, ele apresentava dores no corpo e febre e foi medicado em casa, pois a família acreditava tratar-se de algo "simples".
Como os sintomas não passaram, João Victor foi levado para a unidade de Pronto Atendimento de Carapina, na Serra, onde foram realizados os exames e o indicativo de dengue diagnosticado.
Do PA, o menino foi encaminhado para o Hospital Infantil, em Vitória. No hospital, segundo a mãe de João Victor, os médicos disseram que não havia vaga para internação e pediram que eles voltassem ao PA de Carapina, para que novamente fossem feitos exames e ele ficasse no soro.
Revolta
Mais uma vez, eles retornaram ao município da Serra e, diante do quadro de dores e inchaço e fraqueza que o menino apresentava, foram novamente encaminhados para o Hospital Infantil. De acordo com Neuza, no entanto, o médico que os atendeu não realizou nenhum exame e ainda insinuou que um inchaço no ombro do garoto era decorrente de "espancamento".
Ainda de acordo com a mãe do menino, o médico leu os laudos levados do PA da Serra e mandou que ela "procurasse na Internet" o nome da doença do filho. João Victor, mesmo doente, voltou para casa, piorou e, finalmente, no último domingo (11) ele foi internado no Hospital Infantil.
O atestado de óbito indica morte por edema cerebral, sepse por estafilococos e osteomielite de ombro. A prefeitura da Serra disse que a morte está sob investigação. João Victor era filho único. O corpo do garoto está sendo velado no Centro Comunitário de Eurico Salles.
Dengue não foi a causa da morte
A Secretaria de Estado da Saúde informou que o nome de João Victor não deve estar entre os 13 casos investigados por suspeita de morte devido à dengue porque o balanço foi fechado no dia 10 deste mês. A morte do menino foi registrada no dia 11.
Segundo a diretora médica do Hospital Infantil de Vitória, Isabel Carvalho, a causa da morte de João Victor foi uma infecção generalizada causada pela osteomelite do ombro direito. A diretora explicou que esta é uma forma severa de ação bacteriana alojada no osso e que, no caso do menino, evoluiu rapidamente.
Isabel ressaltou que o hospital possui os registros de entrada do garoto, que no dia 09 de abril deu entrada no setor de urgência com fortes dores no ombro. De acordo com o Hospital Infantil, neste dia foram realizados exames de raioX e todos os procedimentos de atendimento foram tomados. No dia seguinte, João Victor voltou ao hospital com sinais mais graves e foi internado na Unidade de Terapia Infantil Pediátrica (Utip).
A diretora, no entanto, não descarta a possibilidade de João Victor ter sido acometido de dengue mas frisou que esta não é a causa que o levou a óbito. "Existe a probabilidade do menino ter tido dengue e também ter sofrido choque séptico bacteriano,. Isso seria uma infeliz coicidência", disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails