domingo, 24 de julho de 2011

DANOS NO CÉREBRO SÃO TEMAS DE ESTUDO NO MMA

Enquanto nos Estados Unidos jogadores de futebol da NFL levam a entidade a tribunal, tendo como causa o trauma cerebral, o UFC se vê envolvido em novos estudos, também sobre danos cerebrais.

Com a NFL, tudo se deve a um estudo iniciado em 1994 e concluído em 2004, no qual não havia evidências de agravamento de lesão com processo acumulativo. Ex-jogador de futebol americano, Mark Duper, juntamente com Otis Anderson e Rodney Hampton, contam com o apoio de Ann McKee, que realiza estudos e pesquisas sobre o tema.

Segundo o Las Vegas Journal, o UFC está tomando parte de um novo estudo longitudinal sobre trauma cerebral, durante um período de quatro anos, pela Cleveland Clinic Lou Ruvo (centro de saúde do cérebro).

Atletas de Boxe, MMA e KickBoxing, bem como atletas da NFL, NHL, entre outros, são submetidos a estudos que incluam não apenas a encefalopatia aguda crônica (CTE), pois existe a possibilidade da lesão cerebral ser reforçada pelo uso de esteróides e demais drogas para melhorar a performance.

Embora seja consenso que o MMA é mais seguro que o Boxe, o risco existe, pois o treinamento inclui modalidades mistas, como o Wrestling, Muay Thai e o próprio Boxe.

A doutora McKee comenta que, anos atrás, foi sugerido que a taxa de CTE é de vinte por cento em lutadores de Boxe, e ela acredita ser bem maior que isso e será bem maior em jogadores de futebol também.

Contudo, é preciso que mais lutadores participem dos estudos, pois a taxa é muito pequena para estudos conclusivos. Apenas 20 se inscreveram, enquanto os pesquisadores esperavam no mínimo 700. É preciso que os promotores de MMA façam uma campanha que incentive os lutadores a participar.

Existe muita discussão sobre isso nos EUA e sobre o que pode ser feito para o futuro, como a utilização de drogas, tais como Taxol, estimulantes como Ritalina, Bromocriptina e Modofanil. Mas vou deixar esta questão para os especialistas.

A NFL já está afixando nos vestiários cartazes enfatizando a gravidade dos abalos cerebrais.

O UFC pode adotar soluções simples, bem como o MMA em geral. Faz algum tempo que jornalistas norte-americanos pedem que Dana White adote o teste de impacto. Muito pode ser feito para impedir uma tragédia de alto perfil.

Tatame

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails