terça-feira, 24 de maio de 2011

JUIZ EXPLICA O PORQUE DA POLEMICA COM ARGENTINO NO MMA

Criticado por ter tirado a bandeira da Argentina das mãos de Emiliano Sordi após a vitória sobre Ricardo Peçanha no X-Combat, que aconteceu na última sexta-feira, em Campos, o árbitro Luciano Mendes esclareceu o ocorrido. Procurado pelo PVT ainda em Campos, Mendes disse que em momento algum quis impedir o atleta de comemorar com as cores de seu país e que a bandeira estava o impedindo de anunciar Sordi como vencedor.

“Eu tentei levantar a mão dele e ela ficou agarrada na bandeira, atrás do corpo, impedindo o movimento, então eu a puxei, quem estava lá viu, tanto é que o Xicão Joly (announcer) pegou logo depois e a devolveu. Fui muito criticado por causa disso, disseram que eu arranquei a bandeira e a joguei no chão porque era da Argentina. Jamais iria desrespeitar um lutador ou um país dessa forma, sou árbitro internacional há mais de dez anos, diretor de arbitragem, faixa-preta de jiu-jitsu e judô, tenho uma academia de artes marciais e nunca faria algo assim, iria contra meus princípios. Já arbitrei no mundo tudo e não seria agora que iria tomar uma atitude como essa”, comentou o árbitro.

No hotel, logo após o evento, Luciano Mendes procurou Emiliano Sordi para pedir desculpas pelo mal-entendido. “Eu pedi desculpas caso tivesse o ofendido e ele disse que percebeu que a mão estava mesmo presa na bandeira, e entendeu que eu não o estava desrespeitando. Fiquei chateado pelas críticas, recebi diversos telefonemas de amigos, de pessoas ligadas ao Jiu-Jitsu e às comissões de arbitragem para saber o que houve, surpresas com o que falaram de mim”, completou Mendes.
Portaldovaletudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails