domingo, 3 de março de 2013

EM NOITE ÉPICA WANDERLEI SILVA VOLTA A SER O "CACHORRO LOUCO."

 Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images



O lendário Cachorro Louco voltou ao Japão, voltou à categoria dos meio-pesados e voltou a vencer. Wanderlei Silva, brasileiro que é ídolo máximo do esporte no Japão retornou à terra que o consagrou como o lutador mais perigoso da história e fez jus a toda espectativa sobre seu combate contra o americano Brian Stann.
Wanderlei entrou feliz, focado e com uma raça que lembrava seus tempos áureos, com sua música tradicional foi ao octógono onde Brian Stann já o aguardava e ovacionado pela torcida, aparentava em seus olhos e sorriso toda a emoção de voltar à Saitama Super Arena lotada em uma edição do UFC Japão.
No primeiro round, os fãs foram a loucura, ninguém conseguia ficar sentado. No Brasil, os bares, residências e clubes onde transmitiam as lutas, silenciaram-se. Uma trocação franca, uma disposição de um Cachorro Louco frente a de um herói de guerra norte-americano, que acostumado a pressão como fuzileiro naval, fez do octógono seu campo de batalha, sem medo, disposto a dar um show.
Dois guerreiros, dois homens, mas somente um sairia vencedor. Ambos queriam esse resultado, ambos mostraram o porque estavam lá, qualquer um podia cair, o que acertasse o melhor soco teria seu braço levantado, e foram muitos dos golpes disparados.
Wanderlei Silva, como na maioria de seus combates conseguiu o prêmio de Luta da Noite, e além disso ainda faturou o bônus de Nocaute da Noite, mostrando que a aposentaria pode até chegar, mas será sempre assim, com muita porrada e coração de guerreiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails