domingo, 29 de dezembro de 2013

ATLETA QUE TEVE A MESMA LESÃO DE ANDERSON SILVA FALA DO ASSUNTO


Gustavo Coelho fraturou a perna em março e ainda não treina 100%

Numa fatalidade, Anderson Silva fraturou a perna ao chutar Chris Weidman no UFC 168 deste sábado. No momento, muitos podem ter lembrado da lesão de Gustavo Coelho, que teve a mesma chocante fratura em março deste ano, no WOCS 24 em Montes Claros, em duelo contra Magno Alexandre. Em entrevista ao PVT, Gustavo estava abalado com a lesão, e numa opinião não de médico, mas de quem passou pela mesma dificuldade, falou em pelo menos um ano de recuperação para Spider.

Confira abaixo a entrevista completa.

Sua lesão e de Anderson foram bem parecidas, não?

Sim, sei o que ele está sentindo. A dor é a da lesão e a dor psicológica. Você não tem controle da situação, não sabe o que vai acontecer. Quando aconteceu comigo, pensei em várias coisas, pensei até que não poderia mais andar. Fora que a dor física é quase insuportável, absurda, você quer que ela passe logo, mas enquanto estiver sangramento interno, a dor não passa.

Sei que você não é médico, mas tem a experiência de ter passado pelo mesmo drama. Acha o procedimento cirúrgico será o mesmo?

Pelo que vi ali, quando ele chuta, parece que quebra a tíbia. No meu caso, quebrei a tíbia e a fíbula. Hoje em dia colocam uma haste de titânio importada, dentro do canal do osso. Coloca pelo joelho, passa por dentro do osso, e é fixada na canela com parafusos, que são retirados depois. Eu, por exemplo, vou fazer uma pequena cirurgia em janeiro, para retirar os parafusos, mas vou ficar só uma semana sem poder lutar. Já a haste pode ficar ou não, depende do caso.

E qual a linha do tempo da recuperação?

Até 45 dias depois da lesão e da operação, só andava com cadeira de rodas, sem por o pé no chão. Depois andei de muletas, e a partir disso já começa a fisioterapia. Vai ter que, mais ou menos, aprender a andar de novo.  Eu, com três, quatro meses, estava fazendo a parte de musculação, parte superior. Em cinco meses estava treinando jiu-jitsu, sem impacto. Minha lesão tem nove meses, e não posso treinar 100% ainda. Só lá para o 10º ou 11º mês.

Então, na sua opinião, ficaremos pelo menos um ano sem ver Anderson Silva lutar?

Cada um tem uma resposta à lesão, mas acho que ele vai precisar de no mínimo um ano para se recuperar totalmente. Em março e abril eu acho que voltarei a lutar. Ou seja, um ano depois da lesão.

Acha que Anderson errou no chute?

Não, não dá para falar que ele chutou errado. Quando chutamos, chutamos com força. Acontece que canela é uma parte muito dura, o bloqueio do Weidman foi correto, e nenhum atleta de alto rendimento entra 100%. Então Anderson tinha alguma lesão, alguma microfissura, e quebrou bem ali. Foi o meu caso, eu tinha uma microfissura e quebrou bem em cima. É uma fatalidade mesmo.

Você tem 31 anos, Anderson tem 38. Acha que a idade influenciará na recuperação?

Não sei, somos atletas, nosso organismo responde de forma diferente. Ele vai ter muito apoio, muitos profissionais à disposição. Mas toda minha energia vai para ele, vou rezar por Anderson. Sei o que ele está passando. Sou fã dele, que tenha boa recuperação.

Você é amigo de Vitor Belfort, treina na academia dele. Acha que ele retoma o cinturão para o Brasil?

Chegou a vez dele, está provado que é a hora dele. É a melhor fase da carreira do Vitor, é hora de o cinturão voltar para o Brasil. E não deve demorar, os dois estão bem fisicamente. De repente lá para março.
PVT

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails