quinta-feira, 20 de novembro de 2014

JACARÉ A UMA LUTA DA DISPUTA DO CINTURÃO?


Jacaré aceita luta com Romero sem surpresa e garante:


Com quatro vitórias consecutivas em suas quatro primeiras aparições no UFC, sendo três por nocaute ou finalização, Ronaldo Jacaré esperava que fosse credenciado para disputar o cinturão dos médios da organização, mas, por um desencontro de calendário, acabou escalado para encarar a pedreira Yoel Romero no UFC 184, o que, para o brasileiro, não é nenhum problema.

"O Belfort e o Weidman vão se enfrentar em fevereiro e se eu fosse esperar eles lutarem, teria que esperar aproximadamente nove meses parado e isso não estava nos meus planos. O Dana White estava certo quando disse que eu teria de fazer mais uma luta. Tenho que focar bastante no próximo adversário, que é muito duro dentro da divisão. Depois desse combate estarei pronto para disputar esse cinturão".

Aos 37 anos, Romero tem uma longa carreira esportiva, apesar de apenas 10 combates profissionais de MMA no cartel. Especialista em wrestling, o cubano tem no currículo medalha olímpica e título mundial da modalidade.

"Quando recebi a notícia de que enfrentaria o Yoel Romero não fiquei surpreso. Ele está bem ranqueado na categoria e está vindo de boas vitórias. É um atleta muito forte e explosivo. Em relação à luta, acho que vai ser um duelo duro e muito disputado. Ele é um cara muito forte no wrestling e eu também pretendo usar minha parte de chão. Acho que posso vencer qualquer um com o meu jiu jitsu e é isso que vou levar para esta luta".

Mesmo com o fim de ano se aproximando, Jacaré tem planos de intensificar sua preparação para o combate nas próximas semanas. O lutador atualmente está em fase final de recuperação de uma cirurgia realizada no cotovelo direito, a segunda pela qual passou em 2014.

"Estou voltando a treinar aos poucos, creio que daqui a duas semanas já estarei 100%. Tive uma melhora muito boa após a cirurgia e estou sendo cuidadoso, pois foi uma operação complicada. Estou atento para não me lesionar novamente e isso não vai ser problema. Meu camp permanece o mesmo, com o Josuel Distak, na parte de boxe e MMA, Rogério Camões, na preparação física, Pedro Rizzo, no muay thai, e Sylvio Behring, no jiu jitsu. Além disso, conto o auxílio de todos os meus companheiros da X-Gym para me deixar muito bem para o combate".

http://portaldovaletudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails