domingo, 17 de novembro de 2013

VITÓRIA CONTESTADA; GSP CONTINUA COM CINTURÃO


No 20º aniversário do UFC, GSP vence Hendricks em decisão muito contestada

Texto - Junior Samurai
Fotos - UFC

Segundo Dana White, a comissão atlética de Nevada estragou o evento de comemoração do 20º aniversário do UFC. Para o mandatário Johny Hendricks venceu o duelo contra Georges St-Pierre. "Isso é uma luta, quem recebeu mais danos? Estou chocado que o GSP ganhou essa luta. E eu sou um promotor e ele é o cara que mais vende pay-per-view pra minha empresa e mesmo assim acho que ele não ganhou. Eu quero justiça e isso não foi justiça. O Johny Hendricks deveria ter a chance de lutar pelo cinturão novamente", disse o manda-chuva.

Na luta, GSP começou bem ao se esquivar de um soco de Hendricks e colocar o americano para baixo. Já em pé, o canadense ficou no atraso e foi castigado durante os assaltos seguintes. No final, as papeletas decretaram o resultado tão contestado, Georges St-Pierre levou por decisão dividida. Resultado discordado pelo público presente ao MGM Arena em Las Vegas e por muitos especialistas e lutadores."O Hendrinchs venceu essa luta. O GSP antes de se aposentar tem que fazer outra luta com ele. Isso é uma dívida com seus fãs, o UFC e o próprio Hendricks", falou Murilo Bustamante durante o Sensei Sportv.

E Hendricks também acha que venceu e se considera o novo campeão dos meio-médios. "Sim, sou o campeão. Dei mais jabs, dei mais golpes, fui melhor na luta agarrada. Fiz de tudo para vencer a luta, exceto para aqueles dois juízes. Mas vou treinar muito para pegar aquele cinturão. Infelizmente, o cinturão não está aqui do meu lado, mas eu acabei de bater o melhor lutador peso-por-peso do mundo, sabe? Olha a cara dele e olha a minha! Minhas mãos estão machucadas de tanto bater nele".

Nas outras lutas, desstaque para o atropelo de Rashad Evans sobre Chael Sonnen ainda no primeiro round e a vitória de Talles Leites sobre Ed Herman por decisão unânime dos jurados.

UFC 167
MGM Grand Garden Arena, Las Vegas, Nevada
16 de novembro de 2013

Georges St-Pierre venceu Johny Hendricks por decisão dividida dos jurados (Luta da noite)
Rashad Evans venceu Chael Sonnen por nocaute técnico aos 4min05s do R1
Robbie Lawler venceu Rory McDonald por decisão dividida dos jurados
Tyron Woodley nocauteou Josh Koscheck aos 4min38s do R1 (Nocaute da noite)
Ali Bagautinov venceu Tim Elliott por decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Donald Cerrone finalizou Evan Dunham com um triângulo aos 3min49s do R2 (Finalização da noite)
Thales Leites venceu Ed Herman por decisão unânime dos jurados
Rick Story venceu Brian Ebersole por decisão unânime dos jurados
Erik Perez venceu Edwin Figueroa por decisão unânime dos jurados
Jason High venceu Anthony Lapsley por decisão unânime dos jurados
Sergio Pettis venceu Will Campuzano por decisão unânime dos jurados
Gian Vilante venceu Cody Donavan por nocaute técnico a 1min22s do R2

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação seja sempre bem-vindo ao nosso blog, fique em paz.
Ossssss

Related Posts with Thumbnails